Músicas que disputarão 32° Carijo são anunciadas

        Após dois dias de trabalho intenso, a comissão julgadora do 32° Carijo da Canção Gaúcha concluiu a triagem das mais de 600 músicas inscritas nesta edição do festival. O anúncio das classificadas foi feito na tarde desta segunda-feira (24), no Centro Cultural pelo presidente do festival Delfino Suzano Junior, bem como o prefeito Eduardo Russomano Freire, o vice-prefeito Lúcio Borges e a secretária Nirlene Boeri que responde pela pasta da Cultura e Turismo.

 

         Nirlene ressaltou a tarefa árdua e de altíssima qualidade dos jurados para selecionar as 10 canções para a Fase Local e 18 da Fase Geral. A comissão julgadora é composta pelos músicos Adams Cesar, Vaine Darde, Carlitos Magallanes, Adão Quintana e Aurélio Moraes. O presidente do festival ressaltou sobre a qualidade das músicas e a dificuldade que os jurados tiveram para selecionar apenas 28 no total. Confira:

 

FASE GERAL

‘De água e sal’ – Letra: Juliano Costa dos Santos; Melodia: Carlos Machado; Ritmo: milonga; Cidade: Manoel Viana/Cruz Alta.

‘O antes e o depois’ – Letra: Rodrigo Bauer; Melodia: Robledo Martins; Ritmo: milonga; Cidade: São Borja/São Francisco de Assis.

‘Sete lições pra se tomar a um filho’ – Letra: Martim César Gonçalves; Melodia: Mario Cesar Tressoldi; Ritmo: milonga; Cidade: Jaguarão/Tramandaí.

‘Assim nasceu o chimarrão’ – Letra e melodia: Antônio Augusto Korsack Filho; Ritmo: Chamamé; Cidade: Palmeira das Missões.

‘Mandinga’ – Letra: Silvio Genro; Melodia: Tuny Brum; Ritmo: Vaneira; Cidade: Uruguaiana/Santa Maria.

‘O fascínio das milongas’ – Letra e melodia: Appolinario Quiroz Filho e João Ernesto Pedebo; Ritmo: Milonga; Cidade: Foz do Iguaçu.

‘Romance de tropa e sonhos’ – Letra: Joel Carlos Paulo; Melodia: Nirion Bernardes; Ritmo: Rasguido Double; Cidade: Rosário do Sul.

‘De braços abertos’ – Letra: Marcelo Paz Carvalho, Ezequiel da Rosa e Mateus Neves da Fontoura; Melodia: Marcelo Paz Carvalho; Ritmo: Milonga; Cidade: Três de Maio/Cachoeira do Sul.

‘Flor do bem’ – Letra: Carlos Omar Villela Gomes; Melodia: Emerson Martins; Ritmo: Valsa; Cidade: São Vicente do Sul.

‘Cabresteando a aurora’ – Letra: Mario Lucas; Melodia: Diego Camargo; Ritmo: Chamamé; Cidade: São Gabriel.

‘Abraçando o Rio Grande’ – Letra e melodia: Roberto Carvalho de Souza; Ritmo: Vanera; Cidade: Uruguaiana.

‘A tesoura da parteira’ – Letra: Giba Trindade; Melodia: Patrícia Pereira Pedrozo; Ritmo: Chamarra canção; Cidade: São Paulo/Alegrete.

‘Ritual da partida’ – Letra e melodia: Erlon Péricles; Ritmo: Chamamé; Cidade: Porto Alegre.

‘Meu canto’ – Letra: Henrique Fernandes; Melodia: Gabriel Selvage; Ritmo: Milonga; Cidade: Marau/Rio de Janeiro.

‘É bem assim’ – Letra: Máximo Fortes; Melodia: Wolmar da Costa Flores e Pedro Freitas Flores; Ritmo: Xote; Cidade: Santa Maria.

‘Momentos’ – Letra e melodia: Mario Barros; Ritmo: Toada; Cidade: Porto Alegre.

‘No fim da invernada’ – Letra: Fabio Daniel Costa e Paulo Cesar Limas; Melodia: Henrique Bagesteiro Fan; Ritmo: Chamamé; Cidade: Quaraí/Itaqui/Uruguaiana.

‘Regresso’ – Letra: Jorge Costa e Luiz Edmundo Estigarribia; Melodia: Jorge Alberto Motta; Ritmo: Milonga; Cidade: Porto Alegre/ Palmeira das Missões.

 

Suplentes

‘A terra que me viu nascer’ – Letra: Mario Amaral; Melodia: Piero Ereno e Fabiano Cestari Costa.

‘Caminhador’ – Letra: Rogerio Villagran; Melodia: Andre Teixeira.

‘Vaneira pra hora do mate’ – Letra: Eron Carvalho; Melodia: Regis Reis.

 

FASE LOCAL

‘Mariluza, mulher Pé-No-Chão’ – Letra: Alessandro Eduardo de Souza Scalei; Melodia: Helton Zanchi; Ritmo: Vanera.

‘Gaita botoneira’ – Letra: Luiz Paulo Pizolotto dos Santos; Melodia: Gustavo Thomazi Zart; Ritmo: Chamarra.

‘Lida na fazenda’ – Letra: Fábio Gonçalves Korsack; Melodia: Francisco Oliveira; Ritmo: Chamarra.

‘Espelho das águas’ – Letra: Jorge Antonio Martins de Almeida; Melodia: Martins de Almeida e José Airton Oliveira de Souza; Ritmo: Milonga.

‘Canto para um rio’ – Letra e melodia: Carlos Adriano Barrozo Campos; Ritmo: Chamamé.

‘Ervateiras da Palmeira’ – Letra e melodia: Gabriel Verdi Leal; Ritmo: Chamarra.

‘Visões de outono’ – Letra: João Ari Ferreira; Melodia: Cássio Figueiró; Ritmo: Milonga.

‘Louco coração’ – Letra e melodia: Luiz Edmundo Estigarribia; Ritmo: Valsa.

‘Ofício de guasqueiro’ – Letra: Micheli de Souza; Melodia: Fabiano Almeida de Souza; Ritmo: Milongão.

‘O Carijo numa seca de taquara’ – Letra: Nelson Martins Magalhães; Melodia: José Ricardo Maciel Nerling; Ritmo: Chamarra.

 

Suplentes

‘Quando findar o meu tempo’ – Letra: João Carlos Konig; Melodia: Luis Carlos Campos.

‘Aos pioneiros da celeste’ – Letra: Alixandre Lima; Melodia: Cristiano Sonntag.

‘Por buscar a querência’ – Letra: Rômulo Chaves; Melodia: Fabiano Cestari Costa.

 

   

 

 

   

 

 

   

 

 

Fotos: Priscila Devens/AI